O vice-presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, Lucas de Brito (PSL), revelou na noite desta terça-feira (22), que a Mesa Diretora deve se pronunciar nos próximos dias sobre o pedido de anulação da antecipação da eleição de João Corujinha (PSDC) para o 2° biênio.

Lucas disse que a mesa espera o parecer da procuradoria jurídica. O parlamentar ressaltou, no entanto, que apesar da legitimidade do pedido de João Almeida não encerga indícios de irregularidades na eleição de Corujinha. Porem, ele afirmou que aguarda uma análise mais técnica sobre o assunto.

João Almeida argumenta que houve vícios no processo. Segundo ele, não houve parecer técnico da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), nem convocação, em edital, para eleição. João alega ainda, que nem ele nem Pedro Coutinho participou da eleição.