O prefeito de Bayeux, Berg Lima (Podemos), teve a prisão preventiva decretada na noite desta quarta-feira (05) após a realização de uma audiência de custódia no Tribunal de Justiça da Paraíba.

De acordo com a decisão da Justiça, Berg será afastado do cargo de prefeito de Bayeux.

Berg será levado para o 5º Batalhão da Polícia Militar, em João Pessoa. O prefeito foi preso no início da tarde suspeito de extorquir um empresário.

Segundo a Polícia Civil e o Ministério Público, o prefeito foi flagrado recebendo propina. Um empresário que fornecia alimentação ao Município acusa o gestor de extorsão.

 

MaisPB