Na iminência de assumir uma cadeira na Assembleia Legislativa, a vereadora Eliza Virgínia (PSDB), tratou de afastar qualquer possibilidade de rompimento ou rusgas com o prefeito Luciano Cartaxo (PSD), por causa da articulação de Romero Rodrigues (PSDB) para ela assumir a vaga.

Eliza negou qualquer tipo de retaliação do prefeito, no sentido de perder os cargos na geetão municipal, caso assuma a vaga de Tovar Correia Lima (PSDB). “Não fui comunicada e não sofri nenhuma ameaça. Essa é o tipo de matéria maldosa, disse.

A tucana adiantou ainda que não aceitará perder espaços na PMJP. Segundo ela, com sua ascenção à ALPB, Luciano Cartaxo aumentará a base e terá uma deputada defendendo os interesses dele na Casa Epitácio Pessoa. “Sou aliada de Luciano. Ele vai ganhar uma deputada e vereadora para defendê-lo na Assembleia Legislativa”, argumentou.