O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB) confirmou ao Blog do Anderson Soares, nesta terça-feira (20), que o líder da oposição na Assembleia Legislativa da Paraíba, Tovar Correia Lima (PSDB), vai mesmo ocupar uma pasta na gestão municipal.

Tovar deve ocupar mesmo a Secretaria de Habitação, conforme antecipado pelo Blog, que será criada para gerenciar o complexo Aluízio Campos, maior conjunto habitacional do país. A secretaria será desmembrada da pasta de Planejamento e não acarretará nenhum custo para Prefeitura.

Sem citar datas, Romero disse que a nomeação do tucano será o mais rápido possível. A criação da secretaria aguarda aprovação da Câmara Municipal de Campina Grande. “Ainda não sei a data (nomeação de Tovar), mas será o mais breve possível”, garantiu o prefeito.
Com a saída de Tovar para a prefeitura, quem assume a vaga é a vereadora Eliza Virgínia (PSDB). O deputado Bruno Cunha Lima (PSDB) será o novo líder da oposição. Apesar de nomeado para o IPM, Marmuthe deve renunciar para ocupar o mandato de Eliza na Câmara de João Pessoa.
Nomeação de Marmuthe
Romero elogiou a atitude do prefeito Luciano Cartaxo (PSD), em nomear o suplente de vereador Marmuthe Cavalcanti (PSD), que também será beneficiado pela articulação, para Superintendência Adjunta do Instituto de Previdência do Município (IPM).
“Acho legal (nomeação). Marmuthe é um rapaz que tem um trabalho muito forte na comunidade em que atua, nada mais justo. Sou totalmente a favor e fico feliz, até porque conheço o perfil dele. É um cara dedicado e comprometido. Acho que foi uma decisão acertada”, comentou.