A Câmara Municipal de Bayeux retirou do Youtube, a sessão ordinária desta semana, em que vereadores questionam a permanência do ex-secretário de Administração Caio Cabral na gestão municipal, após o prefeito Berg Lima (Podemos) tê-lo responsabilizado pelos super salários na gestão.

Na sessão, oposicionistas criticavam a omissão do prefeito ao remanejá-lo para outra função, cobravam a exoneração do secretário e a investigação da folha de pagamento. Parlamentares alegam que ao clicar no link da sessão do dia 13/06,  é direcionado para o dia 08/06.

IMG-20170616-WA0977