Política

Em meio à crise financeira, vereadores de Conde gastam com diárias em Hotel no RN

IMG-20170122-WA0252

Em meio aos esforços da prefeita de Conde, Márcia Lucena (PSB) para equilibrar as contas do município, a Câmara de vereadores parace não está na mesma sintonia com o Executivo.

Sete vereadores de situação, entre eles, o presidente da Câmara, Naldo Cell, vão passar quatro dias em um hotel, no Rio Grande do Norte, para participar de um congresso de capacitação parlamentar.

O evento começa hoje e vai até o dia 25, em Ponta Negra, Natal. A diária de cada vereador, segundo informações reveladas ao blog, é de R$ 700. Vereadores de oposição não foram convidados.

Ficaram de fora, Luzimar Nunes, Malba de Jacumã, Fernando e Manga Rosa. Segundo eles, enquanto o município está em estado de calamidade financeira, os vereadores estão desperdiçando dinheiro público.

“Não fui convidado, mas também, se fosse, não iria. Prefiro não receber nenhum centavo e mostrar que a diária é legal, mas é imoral. O piro é que a Câmara está em recesso e o município está em estado de calamidade financeira, durante seis meses, para evitar despesas de gastos”, criticou o vereadores Fernando e Malba.

2 Comments

  1. O nosso Municipio não está em Estado de Emergencia financeira Real, há um ficticio estado criado para fazer do assombramento popular as tomadas indecentes dos governantes ,compras sem licitação, ajuda daqui , dali, ai claro a câmara que seria o acessório que corrigiria qualquer desmando , segue o principal que é o executivo. Tudo manobra para desvio de verbas publicas sem a ficaçização adequada, estaremos de Olho. A atual prefeita acusa quem fiscaliza de ser um “RATO” , somos os ratos que tiram o queijo da boca dos verdadeiros ratos, e não podemos deixar a farra continuar. Parece que não será so os vereadores que irão para o turuismo com o dinheiro popular a alcíde tambem se prepara para um voo internacional a se confirmar. IMORALIDADE de novo no Conde, coitado de nosso municipio.

  2. CORREÇAO: O nosso Municipio NÂO está em Estado de Emergencia financeira Real, há um ficticio estado criado para fazer do assombramento popular as tomadas indecentes dos governantes ,compras sem licitação, ajuda daqui , dali, ai claro a câmara que seria o acessório que corrigiria qualquer desmando , mas segue o principal que é o executivo. Tudo manobra para desvio de verbas publicas sem a ficalização adequada, estaremos de Olho. A atual prefeita acusa quem fiscaliza de ser um “RATO” , somos os ratos que tiram o queijo da boca dos verdadeiros ratos, e não podemos deixar a farra continuar. Parece que não será so os vereadores que irão para o turuismo com o dinheiro popular a alcíde tambem se prepara para um voo internacional a se confirmar. IMORALIDADE de novo no Conde, coitado de nosso municipio

Leave a Reply