O vereador Lucas de Brito (PSL) reagiu com indignação às declarações da vereadora Sandra Marrocos (PSB), que pede que o parlamentar renuncie ao cargo de vice-presidente da Câmara De João Pessoa, após aderir ao prefeito Luciano Cartaxo (PSD).

Durante entrevista  à Rádio CBN, na manhã desta quarta-feira (4), Lucas disse, em tom de desabafo, que retirou sua candidatura à Presidência da Câmara porque foi vítima de boicote e chantagem. O parlamentar ressaltou ainda, que alguns vereadores não tem moral para cobrar a vaga.

“É uma chantagem pública dizer que a vaga deve ser devolvida à base de situação”. É uma forma de extorsão a que não me submeto de forma nenhuma. Eu já tinha engolido a seco o boicote a nossa candidatura. Eu não renunciou.  Essa bancada boicotou a minha candidatura a presidente da Câmara. Foi uma bancada que tem membros que assinaram duas listas. Não vou me submeter a esse tipo de extorsao”, declarou.