O prefeito eleito de Santa Rita, Emerson Panta (PSDB) teve na manhã desta segunda-feira (31) a garantia de investimentos, mesmo na condição de inadimplência do município, na área de habitação popular pelo ministro das Cidades, Bruno Araújo quando falou do lançamento do Cartão Reforma no início de novembro em todo o país, destinado a reforma de casas, como também a construção de moradias pelo Programa Minha Casa Minha Vida.

Bruno disse que dará o suporte técnico necessário por meio da pasta para que Panta possa retirar Santa Rita da condição de muitas dificuldades que está mergulhada, num processo longo e difícil que há pela frente, mas com a parceira e ajuda de todos, a partir da população, servirá de modelo para o Brasil.

“Inicialmente vamos optar por obras que o município não precise está na condição de adimplente, para depois, ao sair dessa condição negativa de inadimplência possa partir para novos projetos e investimentos noutras áreas como saneamento urbano, mobilidade urbana, entre outros”, lembrou. “A população tem que ajudar Emerson a cuidar de Santa Rita. Sabemos do peso que os prefeitos eleitos carregam. A cidade está vivendo um momento que não pode acontecer e não é modelo pra ninguém. Servirá de paradigma do que não pode acontecer. O ministério das Cidades vai ser parceiro e ao final do seu mandato será espelho de como se constrói as coisas com responsabilidade e compromisso”, destacou Bruno Araújo.

Emerson Panta agradeceu a presença de todos e destacou que será através do trabalho que vencerá esse momento de dificuldade. Para isso, vai manter as parcerias e avançar nas novas. “Agradecemos a presença do ministro por tendo vindo ver de perto e sentir a nossa realidade com uma rede de saúde pública falida e interditada, ano letivo perdido, lixo por todos os cantos, entre outros. Em nome desse povo, trago aqui o desejo de ver o trabalho avançar e de virar a página negativa da história de Santa Rita”, lembrou. O prefeito eleito de Santa Rita apelou para reconstruir o município e dias melhores possam a voltar com a intervenção de Deus que tem olhado para aquele povo.

“A vinda do ministro Bruno representa uma parceira e o primeiro passo para que possamos tirar o município do buraco e essa mão será uma uma grande ajuda. Uma mão que se estende para o povo”, acrescentou. O senador licenciado Cássio Cunha Lima lembrou que essa seria a segunda vinda de um ministro à Santa Rita e ao agradecer a sua presença, citou seu pai, Ronaldo Cunha Lima a quem dizia que quem sabe pedir tem que

saber agradecer. “Queremos aqui agradecer a todos os pleitos do nosso Estado a um ministério de portas escancaradas para nossa bancada e para a população que nesse momento, espera pelo trabalho, pois obra pública não tem dono é resultado dos impostos pagos”, destacou.