O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD) fez uma avaliação ao blog do Anderson Soares, nesta quarta-feira (26), sobre a aprovação na Câmara dos Deputados, da Proposta de Emenda Constitucional (PEC 241) que limita gastos no setor público.

Para o prefeito, a medida é amarga, mas necessária. Ele acredita que a longo prazo pode ajudar o país a sair da crise, mas nesse  cenário atual vai criar muitas dificuldades. No entanto, Cartaxo disse que não é gestor de ficar lamentando as dificuldades.

” A PEC está posta, é uma realidade. Não adianta ficar chorando o leite derramado. É uma medida amarga, mas a longo prazo ela pode beneficiar o país. Nesse cenário atual vai criar dificuldades para os gestores, mas não sou daquele gestor que fica se lamentando, permanentemente. A gente encara os desafios com trabalho e planejamento”, afirmou.

Diante do cenário de crise financeira, o prefeito não descartou cortes de gastos na prefeitura para 2017, mas a medida seria a última opção, haja vista, que administração se planejou e se preparou para o momento atual econômico.

“O diferencial de João Pessoa foi que não ficamos chorando, reclamando ou se escondendo da crise. Nós enfrantamos a crise com medidas preventivas que nos deu condições de finalizar o ano nas condições que estamos concluindo. Diante desse momento difícil, é possível que haja cortes, mas vamos buscar sempre as melhores alternativas. O diferencial é a capacidade de gestão, de planejamento, de otimismo e investimento”, ressaltou.

Audiência com o prefeito de Natal

Luciano Cartaxo se reuniu no início da tarde com o prefeito reeleito de Natal, Rio Grande do Norte, Carlos Eduardo Alves (PDT), para trocar experiências administrativas, visando superar a crise econômica.

A ideia do encontro, segundo Luciano, é compartilhar ideias e projetos já que são dois prefeitos reeleitos e que contam com boa aprovação de governo, mesmo diante do cenário de dificuldades financeiras.

Já o prefeito de Natal destacou que esse é um momento das duas cidades se unirem, pelas características e similaridades, para construir uma pauta comum de reivindicação ao Governo Federal.

“Esse contato com Luciano Cartaxo é importante para vencermos os obstáculos e formarmos uma pauta comum de reivindicações junto ao Governo Federal. Somos cidades vizinhas e temos muitas similaridades”, disse Carlos Eduardo.

20161026_124944