O prefeito de Bayeux, Expedito Pereira (PSB), rebateu neste domingo (16), as críticas feitas pela equipe de transicão de governo de Berg Lima (PTN), nas quais acusavam o gestor de dificultar o processo.

Leia também: Equipe de Berg diz que Expedito dificulta transição em Bayeux: “Não apresentaram documento”

Ao blog do Anderson Soares, Expedito disse que solicitou, com antecedência, os nomes para transição e só esta semana recebeu o documento. Segundo ele, o prazo para formar a comissão termina no dia 23.

“Eles estão falando isso, mas só esta semana me enviaram os nomes. Solicitei dois dias depois da eleição. A justiça diz que tenho até dez dias após a publicação do resultado. O resultado foi publicado no dia 13. Mas até terça vou fazer uma portaria nomenado  uma comissão com pessoas indicadas por ele (Berg) e por mim. Eles precisam ter humildade em reconhecer que sou transparente”, declarou.