O deputado Efraim Filho (DEM) rebateu duramente, nesta terça-feira (11), as críticas à PEC que limita os gastos públicos. Para a oposição, a medida vai reduzir os investimentos na saúde e educação.

Segundo Efraim, garante que não haverá nenhum prejuízo para área essenciais. Para o parlamentar, estão passando informações deturpadas para assustar a população.

“Não há redução de gastos na saúde ou educação. Essa é uma desinformação que estão espalhando. Tudo que foi gasto esse ano passa a ser piso e não teto. Porém para pode gastar mais além da correção da inflação vai ter de economizar em outras áreas não essenciais, como propaganda e publicidade, para investir nas áreas prioritárias como a saúde por exemplo. É a Lei de Responsabilidade Fiscal moderna”, afirmou.

O democrata ressaltou ainda, que a aprovação da PEC é um passo importante para o crescimento econômico do país, porque coloca um fim nos gastos desordenados do governom

“Esse é o projeto do emprego. Essa votação significa o primeiro passo para acabar com a gastança desenfreada que levou o Brasil a pior crise econômica da sua história e a 12 milhões de desempregados. É a forma para retomar da economia voltar a crescer e de recuperar os empregos para o cidadão brasileiro”, concluiu.