O resultado das urnas enfraqueceu politicamente muitos deputados governistas na Assembleia Legislativa. Vários saíram menores do que entraram no pleito. Nos corredores da AL, na sessão desta terça-feira (4), se constatou a “choradeira” dos derrotados.

Muitos atribuem o insucesso ao tratamento dado pelo governador Ricardo Coutinho (PSB). Sem querer se identificar, parlamentares disseram que foram abandonados pelo socialista. Não tiveram a “atenção” devida do governador. Reclamaram da falta de estrutura e da presença de RC.

Alegam que ele se empenhou apenas na capital, esquecendo outros aliados. O caso mais emblemático é do presidente Adriano Galdino (PSB). Fontes revelaram ao blog, que ele está extremamente magoado com Ricardo. Adriano teria pedido suporte financeiro na reta final de campanha, mas foi negado pelo governador.

Adriano que projetava sair grande desse processo com cacife para disputar a Câmara Federal, vai ter que reavaliar todo projeto politico para tentar garantir a reeleição para Assembleia Legislativa.  Com a esposa derrotada em Pocinhos, o irmão fora da Câmara de Campina Grande e repetindo a mesma votação obtida em CG para deputado estadual, Galdino já pensa em estratégias de sobrevivência.

Segundo revelaram ao blog, a reação do socialista pode sacudir e desetruturar a base do governador na Casa Epitácio Pessoa. Vamos acompanhar atentos os passos do socialista.