Choque de gestão. Esta é a palavra de ordem do prefeito eleito de Bayeux, Berg Lima (PTN). Em entrevista ao 60 Minutos da Rede Arapuan de Rádios, o prefeito disse vai estuda reduzir o próprio salários, do vice-prefeito e dos auxiliares.

A medida visa conter despesas para enfrenfar o cenário de crise e recuperar a capacidade de investimento. Para isso, segundo o prefeito eleito, é preciso cortar na própria carne.

” Já conversei com nosso equipe e estamos estudando a redução do salários do prefeito, do vice e dos secretarios. Além disso, vamos reduzir o número de cargos comissionados. Vamos dar um choque de gestão que Bayeux precisa”, prometeu.