O vereador Farias (PDT) usou a tribuna da Câmara Municipal de Santa Rita, para denunciar o prefeito de Santa Rita Netinho de Várzea Nova (PR). Segundo o vereador, após o retorno à prefeitura, Netinho criou uma quadrilha para assaltar os cofres públicos do município.

Segundo Farias, empresários informaram aos vereadores que dois secretários da gestão estão cobrando propina para liberação de pagamento. Ele disse que a Câmara Municipal já formulou a denúncia à Polícial Federal que vai apurar o caso.

Leia também: Vereador denuncia sumiço de R$ 30 milhões dos cofres da Prefeitura de Santa Rita

A Câmara convocou o prefeito, nesta terça-feira (13), para esclarecer a transferência de receita em relação ao mês de abril, superior a 42 milhões, além de receitas federais. Segundo os parlamentares, não há razão para atrasos de mais de dois meses nos salários dos servidores ativos e inativos do município.

Leia também: Netinho explica denúncia de vereador: “O dinheiro existe, mas não está disponível”

Netinho não compareceu à sessão e foi formada uma comissão entre os servidores inativos e pensionistas além do sindicato, para formalizar ao Poder Legislativo as denúncias contra o gestor. Os vereadores se reúnem na próxima terça-feira (19) para apreciar as acusações.Caso sejam acatadas,  o prefeito deve ser afastado.