Os bancários se reuniram na tarde desta sexta-feira (9), com os dirigentes da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), para mais uma rodada de negociações, porém não houve avanço nos entendimentos.

A proposta dos bancos foi de 7% mais abono de R$ 3.300,00. Os bancários cobram um reajuste de R$ 14%. Uma nova mesa de negociações está marcada para próxima terça-feira (13), às 14h.

Esta é a segunda vez que os grevistas se reúnem com os representantes dos bancos, após deflagrarem a paralisação. No primeiro encontro, a Fenaban orefereceu 6% de reajuste à categoria.

img-20160909-wa0039