O deputado federal e presidente estadual do PDT, Damião Feliciano, foi o entrevistado desta segunda-feira (5), do programa Frente a Frente  da TV Arapuan.

Questionado se o PDT lançará candidatura própria para o Governo do Estado, já que Lígia Feliciano assumirá o governo em abril de 2018 com a desincompatibilização do governador Ricardo Coutinho (PSB) para disputar uma vaga no Senado, Feliciano disse que vai depender do momento.

“A condição vai depender do momento. Não sei se Ricardo Coutinho vai até o fim do mandato. Se for, não tem nenhum problema. Se ele sair, vamos analisar. Isso quem vai dizer é o momento. Não temos nenhum alvoraço, nenhum estresse em relação a isso”, afirmou.