O Senador Raimundo Lira (PMDB-PB) destacou nesta sexta-feira (22) que vinha defendendo a candidatura própria do PMDB à Prefeitura de João Pessoa, através do nome deputado federal Manoel Júnior (PMDB-PB). Porém, com a decisão de Manoel Júnior, anunciada nesta sexta, de retirar a candidatura própria do partido, Lira passou a defender uma composição do PMDB com o PSB do governador Ricardo Coutinho. “Esta é a melhor solução política para o fortalecimento dos candidatos a vereador do PMDB na capital”, afirmou Lira.

A partir desta composição, afirma Lira, o PMDB indicaria o candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada por Cida Ramos, candidata do PSB à prefeitura da capital. E, em contrapartida, o PSB indicaria os candidatos a vice-prefeito de Veneziano Vital do Rêgo, em Campina Grande, de Fátima Paulino, em Guarabira; e de Nabor Wanderley, em Patos

Desta forma, entende Raimundo Lira, a partir de João Pessoa, PMDB e PSB fariam composições nestas outras cidades, onde, atualmente, os dois partidos estão confrontados politicamente. “Assim, os dois partidos saem unidos, na capital, em Campina, em Patos e em Guarabira, para as eleições deste ano, em coligações fortes e com amplas chances de vitória, fortalecendo a aliança PMDB-PSB no estado”, destacou Raimundo Lira.