O deputado estadual Caio Roberto (PR) revelou ao blog do Anderson soares, na noite desta quinta-feira (9), mágoas com o tratamento dado ao partido pela pré-candidata do PSB à Prefeitura de João Pessoa, Cida Ramos.

Segundo Caio, apesar da força, da estrutura  e peso eleitoral que a legenda tem em João Pessoa, o PR não tem participado das discussões sobre a construção das coligações e nem sequer foi recebido por Cida.

“Casamento de um só não dar certo. Por isso, estamos abrindo diálogo com Luciano Cartaxo. Hoje, nós temos um grupo com 51 pré-candidatos. Temos um partido com 35 mil votos, uma situação que demanda diálogo com a majoritária. Sequer fui chamado para discutir coligações. todas as tentativas foram frustradas. Onde não couber meu povo, não me cabe”, ameaçou.

O deputado demonstrou descontentamento com as discussões sobre a escolha do vice na chapa do PSB. De acordo com ele, pesquisas apontam uma preferência pela indicação de seu  nome para vaga, porém outros  despontam como favoritos.

“Apareço em enquetes com 47% de preferência para ser indicado vice, na frente de Raoni Mendes e Lucas de Brito, mas nem sequer a candidata me atende”, desabafou.

Além disso, o presidente estadual do PR, Wellington Roberto, estaria insatisfeito com o governador Ricardo Coutinho (PSB), segundo informações, porque esperava o apoio dele à reeleição do prefeito de Santa Rita, Netinho de Várzea Nova (PR).