Durante solenidade de entrega da reforma da Praça 1817, nesta sexta-feira (13), o prefeito de João Pessoa Luciano Cartaxo (PSD) respondeu perguntas de jornalistas sobre a decisão da justiça de determinar a instalação da CPI da Lagoa na Câmara de João Pessoa.

Acusado pela oposição de tentar barrar as investigações, Cartaxo mandou recado para opositores ao afirmar que não faz mais parte do Poder Legislativo e que não há interferência do Executivo na CMJP.

“A oppsição precisa entender que não faço mais parte do Legislativo. Não sou mais vereador. Esse é um assunto que compete aos vereadores. Não há nenhuma interferência do Poder Executivo no Legislativo”, afirmou.