O ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki, determinou a cassação, em caráter liminar, do mandato do presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha (PMDB). Com a decisão, Cunha não é afastado do mandato de deputado federal.

O ministro entendeu que o parlamentar usou do cargo para constranger, intimidar parlamentares, réus, colaboradores, advogados e agentes públicos com o objetivo de embaraçar e retardar investigações. O pedidofoi feito pelo procurado-geral da República, Rodrigo Janot. Na peça, Janot chegou a classificar o peemedebista de “delinquente”.

A decisão será levada ao plenário do STF para julgamento, mas tem caráter imediato. Uma medida pedagógica que refuta a tese de sepultamento das investigações da Lava Jato. Os holofotes agora se voltarão para outros personagens da República, comoTemer, Renan e cia. Não ficarão impunes. É o efeito dominó.

Todos estão num beco sem saída. A Operação é uma conquista dos brasileiros e não tem volta. Nossa democracia está amadurecendo e não permitirá retrocessos. O Brasil passa por uma metamorfose social, um mal necessário, para um processo de mudança profunda nas relações políticas.

O que a sociedade organizada precisa continuar cobrando são as reformas política, tributária, da previdência e também do Código Penal. Mudanças só acontecem com mobilização da sociedade. Tudo o que está ocorendo no Brasil é fruto da indgnação popular.

A luta por um país humano, justo e solidário está apenas começando. As diligências populares devem permanecer e a limpeza ética e moral na política deve ser completa. Não é apenas o PT e PMDB que estão contaminados com o germe da corrupção. É todo o sistema que está apodrecido. pressão da opinião pública  é o remédio para esse mal.