O presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, Durval Ferreira (PP) disse ao blog do Anderson Soares neste sábado (9), que ainda não foi notificado sobre a decisão do juiz da 1° Vara da Fazenda.

Na quarta-feira (6), o magistrado deu um prazo de 10 dias para Durval se pronunciar sobre o pedido de CPI protocolado pela oposição na CMJP, para investigar possíveis desvios de verba na obra da Lagoa.

Durval esclareceu que tem de dez dias para se manifestar a partir da notificação. Mas garante que a Procuradoria Jurídica deve se pronunciar antes do prazo.

” Ainda não recebi a notificação. Quando receber, começa a contar o prazo de dez dias. Mas acredito que antes deste prazo, a Procuradoria dará uma respota à imprensa”, afirmou.