O deputado estadual  Anísio Maia (PT), rebateu nesta sexta-feira (04) durante entrevista ao Rádio Verdade, da Rádio Arapuan FM, o discurso do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) , que usou a tribuna do Senado, para cobrar novas eleições no país.

“Ele fez, fez, fez e agora quer criticar os outros que fizeram menos do que ele. Pelo que ele fala parece que ele é o Papa, um santo”, alfinetou.

O parlamentar ainda acusou Cássio de ser aliado do juiz Sérgio Moro que coordena a Operação Lava Jato. De acordo com o parlamentar, o magistrado está julgando o processo contra o senador há mais de dois anos.

“São dois pesos e duas medidas. Quando é com Lula, vão cem agentes na casa dele, mas quando é Cássio, fazem vista grossa”, disse Maia.