O governador Ricardo Coutinho (PSB) evitou fazer qualquer tipo de comentário , nesta sexta-feira (19), sobre a decisão de ontem, do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba que o inocentou na Aije da PM que pedia a sua cassação.

Ricardo  disse apenas que respeita a decisão da justiça. Ele  disparou artilharia contra o adversário político,  senador Cássio Cunha Lima (PSDB).

O governador atacou o tucano por acusá-lo de usar a máquina pública nas eleições em 2014, através das representações na justiça eleitoral.

“A Paraíba sabe quem compra votos e prefeitos. A PB sabe a diferença entre eu e ele. Somos diferentes na forma de tratar  o dinheiro público e a população. Ele estimula falsas denúncias, mas todos o conhecem”, pontuou.

RC acusou acusou Cássio também de falta de compromisso com a Paraíba. Segundo o socialista,  o senador não apresentou nenhuma emenda para o estado.

“Ele é o maior cobrador, mas não apresentou nenhuma emenda para o Estado. Cobrou ajuda do governo ao hospital Padre Zé, mas nós ajudamos o hospital dez vezes mais que ele. O político tem que ter compromisso com o povo”, expressou.

As declarações foram dadas durante o Dia D de mobilização e combate ao mosquito Aedes aegypti na Escola Estadual Severino Dias de Oliveira – Mestre Sivuca, localizada no bairro de Mangabeira VIII.